Sintomas


O câncer de mama, em fase inicial, geralmente não causa dor. Porém, à medida que o câncer cresce, ele pode causar algumas alterações. Geralmente o primeiro sinal do câncer de mama é um pequeno nódulo no seio. O nódulo é geralmente indolor e pode crescer lenta ou rapidamente, pode também em casos raros sentir dor.

Fique atenta e procure o seu médico diante de qualquer um destes sinais apresentados a seguir. Eles podem ou não significar a presença de um câncer, porém, nada substitui a avaliação médica.

Fique de olho e Cuide-se!

Aparecimento de um nódulo ou de um espessamento da mama ou próximo a ela ou ainda na região da axila.
Alteração no tamanho ou na forma da mama.
Alteração no aspecto da mama, auréola ou mamilo.
Saída de secreção pelo mamilo, sensibilidade mamilar ou inversão do mamilo para dentro da mama.
Enrugamento ou endurecimento da mama (a pele da mama adquire um aspecto de casca de laranja).
Presença de linfonodos (gânglios) palpáveis ao redor da mama e nas axilas.
Sensações diferentes: calor, inchaço, rubor, escamação.
Alteração na forma e tamanho de um dos seios tornando-os assimétricos.
Existe também um tipo raro de câncer de mama, chamado  doença de Paget , segue vídeo abaixo:




A maior parte dos nódulos não são câncer. Comumente são cistos com fluidos no tecido do seio que aumentam e diminuem com o ciclo menstrual.

Para descobrir se tem ou não um câncer de mama, você deverá fazer o auto exame mensal; exame médico pelo menos uma vez ao ano; exames ginecológicos anuais e uma mamografia antes de chegar aos 40 anos de idade, preferencialmente entre os 35 e 39 anos. Depois dos 40 anos, deverá fazer a mamografia a cada 1 ou 2 anos, de acordo com o programa recomendado pelo seu médico. A partir dos 50 anos, você deve fazer uma mamografia a cada ano. É muito importante seguir as indicações de seu médico.

Fiquem atentas a qualquer um destes sintomas e não deixem de ir ao médico anualmente.
Virna Soledade

Nenhum comentário: